Pesquisas apontam que pessoas espiritualizadas são mais felizes e lidam melhor com situações de estresse

Além de demonstrarem que as pessoas mais espiritualizadas são mais felizes, pesquisas realizadas em várias universidades americanas vêm apontando que elas também têm maior facilidade em sair de processos depressivos, menos chance de se suicidarem, menor envolvimento com álcool, cigarro ou drogas, são menos ansiosas, não têm tantos medos e, as casadas, mais estabilidade e satisfação em seus relacionamentos.

Os estudos também revelam que pessoas com fé enfrentam melhor o estresse e, portanto, envelhecem mais lentamente. Fisicamente, a pressão sanguínea torna-se mais baixa, já que a religião traz sensação de paz. A cicatrização pós-cirurgia cardíaca é melhor. Algumas pesquisas também apontaram que pacientes com HIV ligados a práticas religiosas tinham em seus organismos mais linfócitos que atacam o vírus da doença.

Como a espiritualidade pode contribuir para combater o estresse será um dos assuntos abordados durante o 7º Encontro das Associações Médico-Espíritas do Norte e Nordeste, entre os dias 7 e 9 de junho, em João Pessoa.

O Encontro, que é promovido pela Associação Médico-Espírita da Paraíba e Associação Médico-Espírita de Campina Grande em parceria com a Unimed JP e outras instituições, trará à Capital renomados especialistas na área de medicina e espiritualidade, a exemplo de Marlene Nobre (SP), Roberto Lúcio (MG), Alberto Almeida (PA), Ricardo Santos (AL).

A sétima edição do Encontro das Associações Médico-Espíritas do Norte e Nordeste tem como tema central “Saúde, Ciência e Espiritualidade”. Entre os vários assuntos debatidos estarão influência da religiosidade na cura, a glândula pineal e a mediunidade, Transtorno Bipolar à luz da Espiritualidade, aborto do anencéfalo e Experiência de Quase Morte (EQM).

Paralelamente ao Encontro também serão realizados a 2ª Jornada Médico-Espírita Paraibana e o 1º Encontro Acadêmico em Saúde e Espiritualidade. Na ocasião, alunos universitários poderão apresentar trabalhos científicos sobre o tema. Os melhores trabalhos serão publicados na revista do Centro de Ciências da Saúde (CCS) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB).

Inscrições

As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelos telefones (83) 3224-3990 (Auricélia ou Gerlande) e (83) 3225-8159 (Ana ou Isabelle)

Os preços são R$ 40,00 e R$20,00 (estudantes) para pagamento até o dia 15 de maio. A partir desta data, as inscrições custarão R$50,00 (inteira) e R$25,00 (estudante).

O pagamento da taxa deve ser feito através de depósito em conta corrente: UNICRED (Banco 748), agência 2201, conta10348-9 (conta conjunta dos diretores Islan Nascimento e Mônica Rodrigues)

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (83) 8759-5944 ou no blog da AME-PB (www.amepb.blogspot.com.br).

fonte:wscom

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s